Qualidades produtivas


A raça Limousine caracteriza-se por um conjunto de qualidade produtivas fundamentais de entre as quais se destacam a rapidez de crescimento, a rusticidade e o rendimento de carcaça.

A evolução da raça Limousine resultou em notáveis performances de crescimento, desde os primeiros dias de vida, e também depois do desmame, com valores de ganho médio diário superior a 1,5 kg. Este crescimento contínuo resulta em animais que nascem pequenos mas que depressa atingem valores de peso e conformação que rivalizam com todas as outras raças, superando-as no rendimento de carcaça, onde a raça Limousine apresenta valores de excelência, com pesos médios ao desmame acima dos 280 kg e com rendimentos de carcaça acima dos 65%, devido ao osso fino e à elevada proporção de carne de qualidade na carcaça, com reduzido desperdício, e com uma carne tenra e saborosa, mas saudável, conferidas por uma boa repartição da gordura.

Os animais da raça Limousine são ainda de fácil adaptação e boa rusticidade, aspetos fundamentais na demonstração das suas qualidades. Neste contexto a raça Limousine ocupa uma posição cimeira, adaptando-se facilmente a todas as regiões de Portugal, de norte a sul e do litoral ao interior. É atualmente a raça pura com maior número de touros puros em produção no panorama nacional, com mais animais que todas as outras somadas, ficando claro a sua enorme adaptação às condições nacionais.

Trabalhos recentes do United States Meat Animal Research Center indicaram que a raça Limousine é, entre todas as raças de carne, a mais eficiente e rápida na conversão dos alimentos ingeridos em carne de qualidade. Outros trabalhos europeus indicam também que a raça Limousine é a raça que maior rendimento de carcaça apresenta, ou seja, da qual resulta uma maior percentagem de carne e uma menor percentagem de osso.

Em termos de índices de conversão os valores variam entre os 4 e os 5 kg MS/kg PV, atingindo os animais valores de peso vivo acima dos 650 kg com cerca de 14 meses.

A raça Limousine é ainda uma raça melhoradora com elevada rusticidade, resultando numa fácil adaptação a quaisquer ambientes, de onde resultam valores de rentabilidade bastante favoráveis para os criadores.

Os principais produtos das explorações selecionadoras Limousine portuguesas são os touros reprodutores, cuja utilização favorece a manifestação do vigor híbrido nos cruzamentos para carne, que não se manifesta quando se utilizam outros touros reprodutores sem pureza genética e sem décadas de melhoramento. Este melhoramento pode representar um desempenho produtivo superior em 20% a 30% por animal, o que, associado à fertilidade e ao sucesso no nascimento, fazem toda a diferença numa exploração pecuária, com abordagens modernas e renovadas, em consonância com as grandes tendências europeias e mundiais para o setor.